Utilizamos cookies propias y de terceros para mejorar nuestros servicios mediante el análisis de sus hábitos de navegación. Si continua navegando, consideramos que acepta su uso. Puede cambiar la configuración u obtener más información. aquí

41081

É o número de voos comerciais que descolaram de aeroportos espanhóis de 30 para 6 de octubre.

1684

Voos foram cancelados neste período.

3 Aeroportos na CEE com maior número de saídas.

1. - Amsterdam-Schiphol
2. - Paris Charles De Gaulle
3. - Frankfurt International Airport (rhein-main)

98048

Voos não saíram à hora marcada. Destes, 572 sofreram um atraso de mais de 3 horas.

181

Voos foram cancelados por Lufthansa, segue-lhe SAS com 129 e Air Canada com 87

62

Voos de British Airways sofreram um atraso de 180 minutos ou mais. Ural Airlines com 49 e KLM com 47 completam o TOP 3

Fonte: ReclamaTravel.com Voos operados a partir da 30 Até 6 de octubre Europa.

Conócenos


Na ReclamaTravel temos um objetivo: informar os passageiros sobre os seus direitos quando entram num avião e ajudá-los a conseguir a indemnização económica a que possam ter direito.

Tornamo-lo fácil, seguro e sem riscos. Convertemos o problema de um atraso, cancelamento, perda ligação, overbooking em solução.

A nossa tecnologia, enormes bases de dados e monitorização dos aeroportos Europeus permitem que possamos garantir os seus direitos face às companhias de aviação comerciais.

Colaboramos diretamente com as agências de viagens, porque sabemos que são eles, os agentes de viagens, os profissionais que prestam assessoria aos seus clientes, procurando os melhores serviços e as soluções ótimas quando o voo do seu cliente não correu como esperava.

O serviço ReclamaTravel é prestado através de agências de viagens. Se for um agente de viagens e quiser que nos conheçamos, contacte-nos.

Se for um utilizador particular, dirija-se à sua agência de viagens de confiança. Eles ajudá-lo-ão na sua reclamação.

Como é que funciona


O modelo que adaptámos é muito simples. Você confia-nos a sua reclamação, nós encarregamo-nos de tudo e, quando a resolvemos e cobramos a indemnização da companhia de aviação, retemos a nossa comissão e transferimos a diferença.

Nunca terá que pagar nada se não conseguirmos a sua indemnização.

Assumimos todos os custos do processo, mesmo que tenhamos que defender os direitos do passageiro em tribunal.

Durante o processo da sua reclamação estará informado online sobre o estado da reclamação e o nosso departamento jurídico estará à sua disposição.

Poderá contactar o advogado que tratar do seu caso. O serviço jurídico é próprio da ReclamaTravel, não o externalizamos e só se dedicam a uma coisa: conseguir a sua compensação pelo incidente no seu voo. Você merece especialização e dedicação única.

Na ReclamaTravel proporcionamos um serviço sem qualquer risco nem adiantamento de dinheiro pela sua parte e defenderemos os seus direitos até ao fim.

Sistema Digitalização


O serviço exclusivo e gratuito para a sua agência de viagens.

Beneficie de um novo e pioneiro serviço pós-venda e valor acrescentado ao seu serviço.

Com o nosso Sistema Digitalização conhecerá a seguinte...


informação das suas emissões: Minutos de demora, Cancelamentos, Perdas de ligação E, além disso, notificamos-lhe os incidentes suscetíveis de indemnização económica para o vosso cliente, assim como a potencial quantia reclamável.

Na ReclamaTravel convertemos o incidente no voo em dinheiro de forma fácil, simples e cómoda, tanto para a sua agência como para o seu cliente.

  • Sistema Digitalização Voos. Gratuito.
  • O processo mais simples: com 1 clique.
  • Diferencie-se da sua concorrência.
  • Potente ferramenta de pós-venda.
  • Até 600 € de indemnização por voo.

Porquê reclamar com a ReclamaTravel

Consiga até 600 € de indemnização.


Rápido e simples

Se não se ganhar, não paga

98% de êxito

Exclusivo para agências de viagens


Voos analisados União Europeia:

57.347.582

Voos analisados B2B:

5.652.568

Dados a 18/10/2019

Perguntas frequentes

01

FUNCIONAMENTO

O serviço ReclamaTravel é um serviço exclusivo para agências de viagens.
Se for uma agência de viagens, teremos muito gosto em poder colaborar consigo e proteger os direitos dos seus clientes quando voarem. Se a sua agência não dispuser de códigos de acesso, pode solicitá-los AQUI.
Se for um particular, contacte por favor a sua agência de viagens.
Tentamos fazer com que o processo seja o mais simples, transparente e eficaz possível.
Com códigos de acesso para profissionais, poderá iniciar a reclamação em passos simples através do nosso sítio da Internet. Se for particular e tiver tido um incidente, contacte a sua agência de viagens para iniciar a reclamação
Quando regista uma reclamação na ReclamaTravel, solicitamos a aceitação da cedência de crédito por parte de cada um dos passageiros pelos quais vamos reclamar.
Este documento autoriza-nos a reclamar em nome deles face às companhias de aviação e, se for necessário, perante um tribunal.
Necessitamos deles para podermos atuar em nome do passageiro no processo de reclamação.
O e-mail pessoal é utilizado para que se possa proporcionar documentação que não tenha sido possível apresentar na agência de viagens ou para acesso aos seus dados pessoais, retificação dos mesmos, eliminação, etc. ajustando-nos assim à L.O.P.D.
Na ReclamaTravel tentamos fazer com que demore o menos possível. Algumas companhias respondem-nos no espaço de poucos dias e outras nunca respondem.
Se não nos responderem ou se rejeitarem a nossa reclamação, na ReclamaTravel continuaremos a defender a reclamação e fá-lo-emos perante um tribunal.
Isto pode levar até 12 meses, dependendo de vários fatores, como por exemplo a carga de trabalho de um tribunal.
Noutras ocasiões chegamos a um acordo extrajudicial com a companhia de aviação requerida e processo é encurtado para cerca de 8 semanas.

02

MÉTODOS, PRAZOS DE PAGAMENTO E COMISSÕES

Não cobramos nada antecipadamente.
Trabalhamos na reclamação e, quando ganhamos, pagamos aos passageiros deduzindo a nossa comissão por serviço. Consulte a tabela de preços para ver os detalhes dos mesmos.
Nos casos em que conseguimos indemnização económica, efetuamos o pagamento logo que possível por transferência bancária.
Se o acordo for amistoso (extrajudicial) poderemos fazê-lo em menos de 8 semanas; se tivermos que defender o incidente num tribunal, os prazos oscilam, dependendo de vários fatores como, por exemplo, a carga de trabalho do tribunal e o grau de colapso que tiverem.

03

QUANDO RECLAMAR

Pode usar o serviço ReclamaTravel a partir de hoje e até 5 anos atrás em qualquer um dos casos previstos pela regulamentação
Em termos gerais, pode-se reclamar uma compensação económica quando:
O voo tem um atraso de 3 horas ou mais, é cancelado, ocorre um overbooking, quanto o passageiro perde uma ligação ou o embarque lhe é recusado.
Há motivos extraordinários que isentam as companhias de aviação de responsabilidade.
Confie-nos a reclamação e estudá-la-emos em pormenor.
Desde 2014 os aeroportos espanhóis estão a viver um aumento do número de passageiros. Este aumento do tráfego aéreo tem aparelhada uma crescente operação das companhias e, lamentavelmente, atrasos.
As companhias de aviação tentam evitar o pagamento das compensações a que os passageiros têm direito, conforme registado na legislação europeia.
A reclamação de forma individual converte-se num processo complicado: tem que averiguar se o seu caso é reclamável, tratar de toda a papelada, ou até mesmo assistir a julgamento noutro país.
O regulamento CE 216/2004 garante até 600 € por passageiro quando o voo se atrasa pelo menos 3 horas.
A ReclamaTravel garante a todos os passageiros que os seus direitos serão reconhecidos. Dispomos da equipa legal e das ferramentas tecnológicas necessárias para garantir os direitos registados na Regulação Europeia
Viajar, e ainda mais se for para férias, está muito bem, mas podemos sempre ter a infelicidade de o nosso voo que tem que nos levar até ao local das nossas merecidas férias seja cancelado por um problema no avião, causas meteorológicas adversas, greve pessoal aeroporto, falta de tripulação ou de avião, etc.
O regulamento regista que, se nos cancelarem o voo, devem proporcionar-nos um voo alternativo. Caso nos informem do cancelamento com, pelo menos, 14 dias de antecedência em relação à data de saída, não teremos direito a indemnização. De igual forma, se o cancelamento ocorrer por causas extraordinárias alheias à companhia, também não teremos possibilidade de reclamar uma compensação económica.
O problema para o passageiro surge quando, como acontece na maioria das ocasiões, as companhias recusam a reclamação, atribuindo quase sempre causas extraordinárias que nem sempre são absolutamente reais.
A nossa equipa jurídica analisa cada caso em pormenor, valorizando todas as circunstâncias e, se avaliar a reclamação como efetiva, leva-a até ao fim.
Na ReclamaTravel gostamos de viajar, e com cada viagem aprende-se, mas o overbooking é algo que custa a entender.
É como se comprasse um carro, o pagasse antecipadamente e, quando o dia de o ir buscar ao concessionário chega, dizem-lhe que lamentam, que pelo facto de poder não se apresentar para levar o carro, o venderam várias vezes e que chegou um senhor de Cuenca, que se meteu nele, com a família e o cão e o seu carro já não está lá.
É talvez a forma mais cruel de se ficar em terra, pois tem um bilhete para entrar nesse avião que descola sem você.
Cada ano cerca de 250.000 passageiros de companhias de aviação europeias suportam o overbooking ou a recusa de embarque.
A boa notícia é que a regulação indica que, caso não se possa voar, se tem direito a reembolso do bilhete ou voo alternativo, além de uma indemnização de até 600 €.
Sim. Deixe, por favor, que a verifiquemos. Em muitos casos a resposta "tipo" das companhias é NÃO.
Depende da distância do voo
Até 250 € para voos até 1.500 km
Até 400 € para voos entre 1.500 – 3.500 km
Até 600 € para voos de mais de 3.500 km

Alianças

As nossas alianças com os principais serviços europeus de defesa do passageiro face às companhias de aviação comercial permitem que defendamos os seus direitos em tribunais da UE quando a jurisdição está situada fora das nossas fronteiras.

De igual modo, em virtude destes acordos, o nosso departamento jurídico protege os direitos e consegue as indemnizações económicas de milhares de cidadãos europeus quando se deve efetuar a ação jurídica na Espanha.

Comunicados de imprensa


ReclamaTravel disponível em

Integrações